Registro sobre os 30 anos da CONTRATUH (Confederação Nacional dos Trabalhadores em Turismo e Hospitalidade)

28.11.2018

Senador Paulo Paim (PT/RS)
paulopaim@senador.leg.br

Senhor Presidente,
Senhoras e Senhores Senadores. 

Ontem à noite, eu estive em Foz do Iguaçú, no estado do Paraná, participando de evento que celebrou os 30 anos da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Turismo e Hospitalidade (CONTRATUH).
Estive lá, a convite do presidente dessa entidade, srº Moacyr Roberto Tesch Auersvald. 

Entre os cerca de 250 presentes, e diversas autoridades municipais, estaduais e federais, a solenidade abriu espaço para que eu pudesse falar, dando o meu depoimento sobre a história da CONTRATUH. Para mim, obvio, foi uma honra.

A CONTRATH é uma das confederações que mais representa os trabalhadores no Brasil, pela forma combativa, séria e sempre aguerrida com que atua. São 30 anos de atuação impecável. 

A Contratuh foi fundada em 26 de novembro de 1988. Sediada em Brasília, a entidade representa aproximadamente quatro milhões de trabalhadores do segmento de turismo e hospitalidade... 

Em seu quadro de entidades filiadas estão 30 federações e 300 sindicatos distribuídos por todo o território brasileiro.

Quero ressaltar aqui o trabalho do Presidente da entidade, Moacyr Roberto, que é um amigo, um irmão, que sempre me apoiou e esteve presente nas horas mais difíceis. 

O apoio de todos os dirigentes sindicais foi essencial para que eu conseguisse me eleger e reeleger ao longo de tantas décadas de luta na Câmara e no Senado.

Senhor Presidente.

Valorizar o setor de Turismo e Hospitalidade é essencial para a recuperação da economia e geração de empregos. 

Num país com oito milhões de quilômetros quadrados de belezas naturais e infraestrutura em grandes cidades, qualificação profissional e respeito ao trabalhador do turismo e hospitalidade são essenciais para o crescimento forte e contínuo do setor. 

Todos só têm a ganhar com investimentos na mão de obra qualificada: o próprio funcionário, o empresário e o turista, que sempre irá voltar e falar bem do nosso país. 

A CONTRATUH está na vanguarda dessa preocupação, pois entende que seu papel extrapola as obrigações de representatividade sindical, mas que visa a qualidade de vida de toda a sociedade. 

Essa posição de responsabilidade social suprapartidária e que coloca a população em primeiro lugar mostra a seriedade desta confederação.  

Senhoras e Senhores.

Na ocasião, eu recebi um troféu comemorativo, como a gente diz “um mimo” pelo reconhecimento do trabalho do meu mandato em prol dos trabalhadores do Turismo e Hospitalidade. 

Destaco que entre as celebrações foi lançado um livro alusivo aos 30 anos da CONTRATUH, ...

... bem como um selo comemorativo junto aos Correios, enviando a mensagem da entidade para todo o Brasil e o mundo. 

A inauguração da marca filatélica, que marca o início da utilização dos selos, foi feita por mim, ...

... pelo presidente da entidade Moacyr Roberto e o vice-presidente da confederação, Wilson Pereira, que também preside a Federação dos Empregados em Turismo e Hospitalidade do Estado do Paraná (FETHEPAR). 

Mais uma marca que mostra a importância da CONTRATUH. E nada mais emblemático que uma confederação que roda esse país defendendo trabalhadores do turismo e hospitalidade, ...

... que essa emblemática mensagem que passa a fazer parte de correspondências Brasil e mundo afora. O selo que foi assinado e carimbado por mim e pelas lideranças sindicais presentes fará parte de acervo no museu dos Correios.

Senhor Presidente.

O presidente da CONTRATUH Moacyr Roberto Tesch Auersvald está passando o bastão da entidade para o vice-presidente, Wilson Pereira, que assume o cargo a partir do dia 01 de janeiro de 2019. 

Quero desejar uma boa sorte ao próximo presidente da CONTRATUH, que tenho a certeza fará um belo trabalho. Podem sempre contar comigo, estou ao lado da CONTRATUH para que der e vier. 

Era o que tinha a dizer,
Sala das Sessões, 27 de novembro de 2018.
Senador Paulo Paim. 

Compartilhe nas redes sociais: