Paim alerta para aumento da pobreza no Brasil Notícia postada em 11.04.2019
O senador Paulo Paim (PT-RS) comentou nesta quinta-feira (11), em Plenário, os dados apresentados pelo Banco Mundial que indicam o aumento da pobreza no Brasil. Segundo o relatório, informou o parlamentar, o número de pessoas que vivem na pobreza subiu 7,3 milhões desde 2014, atingindo 21% da população ou 43,5 milhões de brasileiros.

Paim destacou o pedido da instituição para que os países da América Latina desenvolvam, além dos programas estruturais existentes, ferramentas de rede de segurança social que possam apoiar os pobres e os mais vulneráveis durante as crises econômicas. Nesse sentido, o senador considerou boa a iniciativa do governo federal em estabelecer o 13º salário para o programa Bolsa Família.

— Eu vi e ouvi na imprensa que parece que vão assegurar o Bolsa Família com 13º. Eu quero dizer que é uma boa iniciativa. Eu, que faço tantas críticas no contexto geral, nunca personalizo. Li essa informação e Vossa Excelência, agora, senador Eduardo Gomes, líder do governo, anuncia que vai ser assinado hoje. Isso é um ato positivo e eu não deixarei de comentar — reconheceu.

Previdência
Paim também destacou pesquisa publicada pelo instituto Datafolha, nesta semana, que informa que 51% da população brasileira não concorda com a proposta de reforma da Previdência (PEC 6/2019) encaminhada ao Congresso Nacional pelo Executivo. Ele acrescentou que, ainda de acordo com os dados, mais de 60% dos brasileiros desconhecem o teor da matéria. Para o senador, por essa razão, o Senado precisa aprofundar os debates e audiências públicas sobre o tema, assim como também devem ocorrer discussões nos estados, para que a sugestão seja aperfeiçoada com a participação da sociedade.

Agência Senado 
Compartilhe nas redes sociais: